CARACTERIZAÇÃO DA SAÚDE DE NONAGENARIOS DO NORTE DE MINAS GERAIS, BRASIL-UM ESTUDO DESCRITIVO

Lucas Gonçalves Andrade, Thomaz De Figueiredo Braga Colares, Edgar Nunes De Moraes, Simone De Melo Costa, Antônio Prates Caldeira, Luciana Colares Maia

Resumo

CARACTERIZAÇÃO DA SAÚDE DE NONAGENARIOS DO NORTE DE MINAS GERAIS, BRASIL-UM ESTUDO DESCRITIVO

Resumo: Objetivo: Este estudo objetivou descrever o perfil da saúde de nonagenários cadastrados em
Estratégias Saúde da Família no norte do Estado de Minas Gerais, Brasil. Método: O estudo apresenta
natureza quantitativa, exploratória e descritiva. Foi realizado nos domicílios de idosos cadastrados e
atendidos por profissionais de Estratégia Saúde da Família, no município de Montes Claros no norte do
Estado de Minas Gerais. Resultados: Entre os 1750 participantes foram selecionados 60 idosos com 90 anos
ou mais, que residiam em área de abrangência das equipes de saúde da família da referida cidade. A coleta
de dados foi realizada por entrevistadores treinados para o uso de questionários Índice de Vulnerabilidade
Clínico-Funcional para rastreio de fragilidadee o Brazilian Older Americans Resources and Services
Multidimensional Function Assesment Questionnaire, que confere uma avaliação multidimensional
ao idoso. Identificou-se 60 idosos com idades respectivas entre 90 e 107 anos. Conclusão: O aumento
da expectativa de vida e o crescente da população idosa exigem a implantação de políticas públicas de
saúde com foco nessa faixa etária, buscando, continuamente, o envelhecer saudável. Deve-se organizar e
proporcionar medidas positivas no cuidado centrado na pessoa idosa nos diversos níveis de complexidade
da rede de atenção de saúde.

Palavras-chave

Saúde do idoso; Envelhecimento populacional; Síndrome da fragilidade.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.