A influência dos agrotóxicos na qualidade seminal: uma revisão de literatura

Héllen Fabiana Batista de Castro, Luís Fernando de Souza Vieira, Maria Tereza de Almeida Carvalho, Nair Amélia Prates Barreto, Fernanda Alves Maia

Resumo

A qualidade seminal mudou consideravelmente nas últimas décadas. Tal fenômeno pode ser apontado como um indicador à exposição a diversas substâncias químicas, entre elas os agrotóxicos. Este estudo que tem como objetivo verificar qual é a influência dos agrotóxicos na qualidade seminal. Para o mapeamento deste estudo tomou-se como base bibliográfica a Base de Dados Pubmed. Buscou-se pelos descritores semen, analise seminal, qualidade seminal, espermatozoides, agrotóxicos, pesticidas, exposição a pesticidas, uso de pesticidas, pesticidas organoclorados, pesticidas organofosforados, defensivos agrícolas e Pesticidas. Os resultados sugerem que a exposição ocupacional aos pesticidas estudados pode ter efeito deletério sobre os parâmetros seminais, porém, há divergências dos resultados entre os diferentes estudos. Enquanto alguns autores encontraram piora apenas na concentração espermática, ou na motilidade, outros verificaram diminuição na concentração e na motilidade, assim como na motilidade e morfologia dos espermatozoides de homens expostos ocupacionalmente ou não. Apesar dos estudos indicarem que a exposição ocupacional aos pesticidas estudados pode ter efeito deletério sobre os parâmetros seminais, outros mecanismos não podem ser descartados.

Palavras-chave

Organoclorados; Organofosforados; Piretroides; Sêmen; Pesticidas; Exposição ocupacional

Texto completo:

Texto completo

Apontamentos

  • Não há apontamentos.