Ambiente térmico e análise postural durante a aplicação de defensivos agrícolas no Norte de Minas Gerais

Cinara da Cunha Siqueira Carvalho, Ricardo Rodrigues Muniz, Marlon Lopes Lacerda, Abner José de Carvalho, Célia Lúcia Siqueira

Resumo

O objetivo deste trabalho foi caracterizar o ambiente térmico e analisar a postura adotada pelos trabalhadores durante a aplicação de defensivos agrícolas no Norte de Minas Gerais, utilizando o pulverizador costal manual e motorizado, pulverizador de tração humana e tratorizado de barras. O trabalho foi realizado na fazenda experimental da Universidade Estadual de Montes Claros – UNIMONTES, localizado no município de Janaúba – MG. Para caracterizar o ambiente térmico, utilizaram-se dois termômetros digitais programados para coletar a temperatura do ar e a umidade relativa a cada 15 minutos, para a realização do cálculo do Índice de Bulbo Úmido e Temperatura de Globo (ITGU). Para avaliar a postura adotada pelos trabalhadores durante a pulverização, inicialmente foram feitos registros fotográficos, que fornecem informações referentes a posição do tronco, braços, pernas, associado ao uso de força necessária para desempenhar a função e posteriormente, foram analisados por meio do programa computacional Win-owas. O ambiente térmico, nas condições de realização do estudo, pode ser prejudicial a saúde dos trabalhadores, uma vez que os valores de temperatura e umidade relativa do ar encontrados foram superiores aos preconizados pelas Normas do Ministério do Trabalho e Emprego. A postura adotada pelo trabalhador para realizar a acoplagem do eixo cardã e dos braços do hidráulico são as que mais oferecem riscos de lesão. A aplicação e movimentação com o pulverizador costal motorizado, aplicação com o pulverizador de tração humana, colocação e aplicação s fdoii,0dx o pulverizador costal manual, são as atividades que merecem verificação da postura a curto prazo.

Palavras-chave

conforto térmico, ergonomia, pulverizador

Texto completo:

Texto completo

Apontamentos

  • Não há apontamentos.