Bullying: Revisão Sistematizada acerca da Vitimização, Agressão e Ações Preventivas

Emanuella de Castro Marcolino, Cícera Renata Diniz Vieira, Alessandro Leite Cavalcanti

Resumo

O presente estudo objetivou analisar a ocorrência de vitimização e agressão por meio do bullying e as recomendações de intervenção no combate a essa problemática, inferidas pelas pesquisas empíricas concluídas. Trata-se de uma revisão sistematizada de literatura com busca realizada nas bases de dados LILACS e Pubmed, por meio das combinações de descritores, “bullying” e “estudantes”, “bullying” e “schools” tendo como limites de busca publicações no formato de artigos científicos disponíveis em texto completo com livre acesso, escritos em língua inglesa, espanhola e portuguesa, publicados a partir do ano de 2008 até maio de 2013. A maioria dos estudos exibiu dados de ocorrência de vítimas e agressores de bullying entre 10 e 30% e foram desenvolvidos em diversos países, sugerindo recomendações de combate ao bullying, quase na totalidade, com base em adoção de medidas preventivas voltadas aos escolares, familiares, profissionais, integrando escola com setores sociais e de saúde. A literatura científica revelou ainda o bullying como componente do cenário escolar no qual os meninos mais novos são os principais envolvidos, tornando necessária a implementação de intervenções com potencial de tratar, de maneira precoce, o que exige a articulação de diversos atores e setores.

Palavras-chave

Bullying; Vitimização; Agressão; Prevenção.

Texto completo:

Texto completo

Apontamentos

  • Não há apontamentos.