Fonte, distribuição e características geoquímicas dos sedimentos de corrente do Rio do Formoso – MG

Hernando Baggio

Resumo

Resumo: O objetivo deste estudo é estabelecer a concentração de metais (Cu, Cd, Cr, Ni, Pb e Zn) nos sedimentos de corrente do Rio do Formoso-MG, definir suas fontes e distribuição, comparando os valores com os da Resolução CONAMA 344/04 Nível. Foram coletadas 22 amostras de sedimentos em onze pontos, nos quais foram determinadas as concentrações totais de Cu, Cd, Cr, Ni, Pb, Zn por ICP-OES, com extração ácida. Os resultados foram comparados à resolução CONAMA 344/2004-Nível 1. A caracterização mineral foi obtida por DRX e, a composição geoquímica dos litotipos foi determinada por ICP-OES. Os teores totais dos metais Cd e Cr nos sedimentos ultrapassaram os valores de referência nível 1 (TEL), estabelecidos pelo CONAMA. A disponibilidade desses metais nos sedimentos é resultado direto dos resíduos metal-orgânicos gerados pela agricultura comercial. A assinatura geoquímica para o elemento cromo, presente no sedimento, confirma a contribuição natural geológica. O mineral predominante nos sedimentos é o quartzo. A presença de minerais de argila, sugere uma maior ou menor troca de cátion metálicos do sedimento para a coluna de água.

Palavras-chave

Metais pesados; Sedimentos; Natural, Antropogênico; CONAMA 344/04

Texto completo:

Texto completo

Apontamentos

  • Não há apontamentos.